Páginas

Pesquisar este blog

15 de julho de 2010

Tá chovendo...

Escuto os carros passando pela poça que sempre se forma aqui na frente de casa, quando chove. Bate uma tristeza ouví-los e ver que vão embora. Ainda é dia, mas parece noite e o vento tem como função fazer meu corpo voltar pras cobertas. Já é evidente que o tédio se apossou de mim e que a falta do que fazer me remete a não fazer nada mesmo. Alguém poderá dizer que "são as férias... é assim mesmo!", mas discordo em concordar com as circustâncias.

Há algo que só se pode fazer na chuva? Creio que sim. Por mais que minha preferência seja um belo dia de verão, com um sol radiante, em meio a muito verde, deve haver algo pra fazer com esse clima. É claro que a fraqueza momentânea emocional te dificulta a analisar algo belo, quando tudo mostra o contrário. Mas ainda assim, é preciso tentar!

Ah, sim, parei por aqui! Vou procurar algo pra fazer. Até mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário